A Polícia Judiciária (PJ), através do Departamento de Investigação Criminal da Madeira, identificou e deteve em flagrante delito, um homem, de 23 anos de idade, pela presumível prática do crime de pornografia de menores agravado.

«Na sequência de sinalização por organismo internacional, de atividades suspeitas de indiciar a prática de crimes de pornografia de menores em meio digital, foram desenvolvidas diligências de investigação, nomeadamente uma busca domiciliária, na cidade do Funchal, tendo-se procedido à apreensão de diversos suportes informáticos, contendo vários ficheiros de imagem e vídeo, relativos a pornografia infantil.

O detido vai ser presente às autoridades judiciárias competentes, para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas», informou há pouco a PJ em comunicado.

0 Comentários

Dê a sua opinião sobre este artigo